Banner

Banner

domingo, 14 de maio de 2017

Inter bate o Londrina e estreia com vitória na Série B

Colorado venceu por 3 a 0 e inicia caminhada na segunda divisão com o pé direito

 

Após a derrota na final do Estadual para o Novo Hamburgo, o Internacional deu seus primeiros passos para a redenção do time diante da sua torcida. Enfrentando o Londrina fora de casa, neste sábado, o Colorado venceu por 3 a 0 e assumiu a ponta da Série B pelo saldo de gols.

Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter
Foto: LANCE!
 O Londrina até tentou se impor dentro de casa, mas a superioridade técnica do Inter fez a diferença. O Colorado pressionou a zaga adversária e o resultado veio aos 18 minutos: França colocou a mão na bola dentro da área e o juiz assinalou pênalti. D'Alessandro bateu no canto direito do goleiro, sem chances de defesa, e marcou o primeiro gol da história do Inter na Série B.
A pressão Colorada se manteve no primeiro tempo e o time logo chegou ao segundo gol: Nico Lopez fez jogada individual pela direita, cortou o zagueiro e chutou forte da entrada da área. A bola passou entre as pernas do defensor do Londrina e morreu no fundo das redes.

 Na volta do segundo tempo, Nico Lopez entrou em campo ligado e deixou o segundo gol dele na partida: avançando pela esquerda, o camisa 7 invadiu a área e chutou cruzado com força, ampliando o placar. O Londrina até ensaiou uma reação, pressionando a zaga colorada e botando o goleiro Daniel para trabalhar, mas já era tarde demais: vitória gaúcha na primeira rodada da Série B.



 FICHA TÉCNICA


 LONDRINA 0 X 3 INTERNACIONAL
 Data/hora: 13/5/2017, às 16h30 Local: Estádio do Café, Londrina (PR) Árbitro: João Batista de Arruda (RJ) Auxiliares: Luiz Antônio Muniz de Oliveira (RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ) Cartões amarelos: Lucas Ramon, Silvio e Arthur (Londrina); Fabinho e D'Alessandro (Internacional) Público e renda: Não divulgados. Gols: D'Alessandro, 19/1ºT - (0-1); Nico Lopez, 37/1ºT - (0-2) e 4/2ºT - (0-3)


 LONDRINA: Zé Carlos; Lucas Ramon, Matheus Borges, Silvio, França (Robinho); Ayrton, Artur, Jardel, Jonatas Belusso, Celsinho (Rômulo) e Fabinho (Marcinho) - Técnico: Claudio Tencati.


 INTERNACIONAL: Daniel; William, Léo Ortiz, Cuesta e Uendel (Iago); Rodrigo Dourado, Fabinho, Felipe Gutiérrez e D'Alessandro; Marcelo Cirino (Diego) e Nico López (Carlos) - Técnico: Antônio Carlos Zago.




Terra