Banner

Banner

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Pais pagam metade do ingresso em passeios de escuna durante agosto, em Florianópolis

Pais pagam metade do ingresso em passeios de escuna durante agosto, em Florianópolis  Divulgação/Divulgação

Passeios de escuna 


Foto: Divulgação / Divulgação


Para comemorar o Dias dos Pais, pais acompanhados dos filhos pagam metade do ingresso para passeios de escuna, em Fpolis.  A promoção é válida durante o mês de agosto e é uma iniciativa do Núcleo de Escunas de Canasvieras da Associação Comercial e Industrial de Florianópolis (ACIF).  Para aproveitar os valores com desconto, pai e filho devem apresentar documentos.
Os passeios têm cinco horas de duração e contam com passagem pela Baía dos Golfinhos, parada em Governador Celso Ramos, visitação guiada à Fortaleza de Santa Cruz e na Ilha de Anhatomirim.

Ao todo, 11 escunas participam da promoção: Velas Negras, Barba Negra, Pirata da Ilha, Capitão Gancho, Aventura Pirata, Galeão Dourado, Capitão Morgan, Corsário Negro, Pirata do Caribe I e II. As saídas — uma por dia — ocorrem no trapiche de Canasvieiras, todas as terças, quintas, sábados e domingos de agosto, sempre às 11h, com retorno às 16h. O ingresso inteiro para adultos tem o valor de R$ 75.

ROTEIRO
 
Saída do trapiche de Canasvieiras às 11h
- Parada para almoço em Governador Celso Ramos (R$ 28,00 a R$ 30,00 por pessoa - buffet livre)
- Passagem pela Baía dos Golfinhos - Parada na ilha de Anhatomirim para visitação a Fortaleza de Santa Cruz (taxa de R$ 8,00 por adulto e R$ 4,00 por criança. Estudantes com identificação pagam meia)
- Vista panorâmica da praia de Daniela e Forte
- Vista panorâmica do Forte de São José da Ponta Grossa - 15 minutos de parada para banho de mar na ilha do Francês
- Retorno a Canasvieiras previsto para 16h, costeando as praias de Jurerê Internacional, Tradicional e Canasjurê durante o trajeto

VALORES 
 
- R$75 reais por pessoa
- Promoção especial nesse mês de agosto: pai paga metade se acompanhado do filho (R$ 37,50)
- Crianças de até 1,20m não pagam.*Mediante comprovação documental de ambos (pai e filho) 





Diário Catarinense