Banner

Banner

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Criminosos invadem agência de banco e fazem reféns em SC

Assaltantes fizeram reféns e invadiram uma agência na Avenida do Estado, em Balneário Camboriú, no fim da tarde desta terça-feira (8). Segundo informações da polícia, três bandidos teriam entrado no banco pelo telhado. Eles usavam uniformes de serviço de manutenção.

Seis funcionários do banco foram feitos reféns e amarrados em uma sala, no interior da agência. Um deles foi ferido por uma coronhada, mas passa bem.

Os assaltantes conseguiram fugir antes da chegada da polícia, pelo mesmo local por onde entraram na agência. Veja vídeo da movimentação em frente à agência.

No momento em que a polícia ficou sabendo do assalto, não havia certeza se os bandidos estavam ou não dentro da agência. Policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) entraram para negociar a saída dos reféns, e perceberam que não havia nenhum assaltante impedindo o acesso.

— Tentamos verbalizar com eles e recebemos como resposta a verbalização de reféns, que estavam todos amarrados. Conseguimos fazer a liberação — disse o tenente Jorge Martins, do Bope.

Os policiais iniciaram então uma varredura pelo banco. A Avenida do Estado, onde fica a agência, teve dois quarteirões bloqueados para evitar que alguém se ferisse em um eventual confronto.

A via é uma das mais movimentadas da cidade, e a interrupção atravancou o trânsito ao redor, em horário de pico. A polícia teve trabalho para conter os curiosos, que tentavam se aproximar da área de isolamento. O helicóptero Águia sobrevoou todo o perímetro, em busca dos assaltantes.

Capitão Leandro Favoretto, do 12º Batalhão da PMSC, disse que há indícios de que os bandidos tenham fugido em direção à Avenida Brasil. A polícia segue as buscas.

Um homem que fazia serviços de manutenção regulares dentro da agência foi encaminhado à delegacia para prestar depoimento.

A polícia não informou se os assaltantes conseguiram levar algum dinheiro.

Este é o segundo assalto a banco no Litoral, em menos de um mês. Em 20 de setembro, quatro homens entraram armados e assaltaram a agência do Banco do Brasil em Penha. Os assaltantes usaram uma marreta para quebrar o vidro da porta rotatória e entraram no banco antes do horário de abertura ao público. O vigilante da agência foi agredido pelos criminosos, que tomaram sua arma. Funcionários do banco foram rendidos e obrigados a deitar no chão, sob ameaças de morte. Um dos suspeitos foi preso pela polícia.

Claudério Augusto via NSC Total