Banner

Banner

quarta-feira, 20 de maio de 2020

CHAPECÓ: População receberá na residência material com informações e orientação sobre a atual situação envolvendo o Covid-19

Os chapecoenses irão receber em casa um material impresso sobre o Covid-19. O material foi produzido com diversas informações, dicas e orientações para que o cidadão esteja ciente das ações e cuidados para prevenir e combater o Coronavírus. O material foi organizado em parceria entre a Prefeitura de Chapecó, Ministério Público de Santa Catarina, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Polícia Civil.
Covid-19: Prevenção e Combate
Em 30 de janeiro de 2020, a Organização Mundial de Saúde (OMS), declarou que o surto do novo coronavírus é uma Emergência de Saúde Pública Internacional. No dia 11 de março, a OMS caracterizou a doença como PANDEMIA, devido a rapidez como se espalha e a existência de milhares de focos em várias regiões do mundo. Em 25 de março, a Prefeitura de Chapecó decretou o isolamento parcial da cidade, suspendendo aulas e eventos, fechando o comércio e a indústria. Com os casos surgindo, a Prefeitura dividiu sua estratégia em duas frentes:
  • Melhorar e investir nos serviços de saúde:
  • Tornar a prevenção uma batalha diária:
  • Mais de R$ 8.000.000,00 investidos em:
  • Novos leitos de UTI.
  • Ambulatório de Campanha.
  • Aquisição de medicamentos.
  • Mais de 1.000 profissionais de saúde trabalhando no combate ao coronavírus.
  • A Prefeitura estabeleceu um canal diário de comunicação com a sociedade, divulgando ações, boletins e companhas através da imprensa e redes sociais, para a conscientização das pessoas.
  • A prevenção é uma luta diária que precisa da participação de todos.
Fique em Casa
Se precisar sair de casa, separa uma roupa e calçado apenas para uso externo. Ao retornar, deixe o calçado do lado de fora da residência ou em local isolado. As roupas usadas devem ser lavadas imediatamente. Na sequência tome um banho.
10 passos da prevenção
A abertura gradativa do isolamento não significa que a vida voltou ao normal. A Covid-19 é uma doença contagiosa que se espalha no contato entre as pessoas. O retorno de algumas atividades econômicas deve vir acompanhada por medidas de higiene e prevenção para evitar novos casos do coronavírus de uma forma mais agressiva. É necessário praticar uma rotina saudável e proteger com o isolamento os grupos de risco, reforçando as medidas preventivas. Precisamos ficar atentos e reforçar os cuidados. Siga os 10 passos de prevenção.
  • Se precisar sair de casa, use máscara e seja rápido.
  • Evite o contato físico. Mantenha distancia de 1,5m.
  • Utilize o álcool em gel no combate ao vírus.
  • Ao tossir ou espirrar, cubra o nariz e a boca com o antebraço.
  • Não compartilhe objetivos pessoais.
  • Lave as mãos e evite o contato com olhos, nariz e boca.
  • Mantenha os ambientes sempre ventilados.
  • Seja solidário e ajude as pessoas do grupo de risco.
  • Se tiver febre, tosse e dificuldade para respirar, procure um serviço de saúde.
  • Informe-se nos canais oficiais. Tenha uma rotina higiênica e saudável.
O isolamento pode voltar
Até que tenhamos uma vacina ou uma terapia médica curativa, seremos obrigados a conviver com decisões que nos colocam frente a frente com a vida ou com a morte. O número de casos aumentou rapidamente, e se for necessário, um novo isolamento será decretado. Este vírus é o nosso único inimigo e não será derrotado se não estivermos unidos, cada um na sua casa, pelo tempo que for necessário, cumprindo nossas obrigações como cidadãos diante de uma pandemia.
Alerta
A quantidade de pessoas nas ruas coloca em risco todo o trabalho feito até agora, e as autoridade de saúde podem adotar novas medidas de restrição e determinar o fechamento de atividades econômicas, praças, parques e ruas. A rigidez das medidas, depende do comportamento dos cidadãos.
Sintomas
Comuns: febre, cansaço e tosse seca.
Graves: febre alta, pneumonia e dificuldade para respirar.
Grupos de risco
  • Pessoas com mais de 60 anos.
  • Pessoas com diabetes e cardiopatas.
Transmissão
  • Contato físico com pessoas infectadas ou por meio de tosse ou espirro.
  • Tocar objetos ou superfícies contaminadas e em seguida tocar a boca, nariz ou olhos.
Uso de máscara
O uso das máscaras não substitui as medidas de prevenção. Quem não usar pode receber multa de R$ 250,00 para quem for flagrado sem máscara em espaços públicos e privados, inclusive no interior de veículo. Siga as recomendações:
  • Use a máscara cobrindo totalmente a boca e o nariz, devendo ficar bem ajustada ao rosto. A máscara precisa ter duas camadas de tecido, como algodão, tricoline ou TNT.
  • Deixe a máscara de molho por 30 minutos em uma mistura de 2 colheres de sopa de água sanitária para cada 1L de água potável. A máscara precisa estar seca para ser utilizada de novo.
  • Em todas as situações recomendadas, utilize a máscara do tipo cirúrgico ou de tecido. Se for descartar a máscara, descarte-a no lixo do banheiro e lave as mãos.
  • Use a máscara sempre que precisar sair de casa. Leve com você uma máscara reserva, e substitua a cada 2h. evite tocar ou ajustar a máscara enquanto estiver usando.
Os 10 passos para pessoas em isolamento
  • A pessoa doente deve permanecer em um cômodo separado de casa sem contato com as outras pessoas. Dormir sempre sozinha.
  • As máscaras de tecido devem ser trocadas a cada 2h, ou até antes, se estiverem úmidas.
  • Manter sempre os ambientes bem arejados.
  • Manter distância de 2m da pessoa, sempre que possível.
  • A pessoa doente deve receber cuidados de apenas um membro da família, preferencialmente jovem e com boa saúde.
  • Higienizar com frequência maçanetas, fechaduras e outras superfícies com água sanitária diluída ou álcool 70%.
  • O paciente isolado deve, preferencialmente, utilizar um banheiro exclusivo que deve ser higienizado com frequência utilizando água sanitária diluída.
  • Evitar o compartilhamento de objetos com o paciente isolado, como toalhas, pratos e talheres.
  • Os cuidados do paciente e as pessoas da casa, devem lavar as mãos frequentemente com água e sabonete ou utilizar álcool em gel. A circulação na residência deve ser a menor possível.
  • Lembre-se que todas as pessoas que moram na mesma casa de alguém com suspeita ou confirmação de Covid-19, devem permanecer em isolamento domiciliar pelo tempo que for orientado pela equipe de saúde, mesmo as que não tenham sintomas.
Telefones úteis
  • Serviço de Escuta e Acolhimento: atendimento de segunda à sexta-feira, das 07 às 19 horas, pelo telefone (49) 3321-0030.
  • Serviço de triagem médica: atendimento todos os dias, das 07 às 22 horas, pelo telefone (49) 2049-6500.
  • Disk denúncia: atendimento todos os dias, das 07 às 19 horas, pelo telefone (49) 3321-0034.
  • Dúvidas covid-19: atendimento de segunda à sexta-feira, das 07h30 às 11h30 e das 13 as 17 horas, pelo telefone (49) 3321-0027.


Claudério Augusto via site Roberto Lorenzon