quinta-feira, 12 de agosto de 2021

Homem que assassinou sogro com tiro de espingarda e tentou matar a ex-companheira é condenado

Em sessão do Tribunal do Júri realizada na comarca de Santa Cecília, um homem foi condenado por assassinar o sogro com um tiro de espingarda e também por tentar matar a ex-companheira.

Pelos crimes de homicídio, tentativa de feminicídio e posse ilegal de arma de fogo, o homem recebeu as penas de sete anos de reclusão e um ano de detenção, em regime fechado.

 As ocorrências foram registradas em fevereiro de 2020, no mesmo dia em que a mulher buscou na Justiça medidas de proteção contra o ex-marido. Conforme denúncia do Ministério Público, esse teria sido o motivo dos delitos. O réu queria se vingar pelo fato dela ter denunciado os crimes de violência doméstica praticados por ele.

Já era tarde da noite e escuro quando o acusado foi até a casa das vítimas. O pai, ao perceber a aproximação do homem, buscou, de forma pacífica, impedi-lo. Foi neste momento que o réu atirou no peito do sogro e em seguida fugiu do local. Ele foi perseguido pela ex-mulher e o irmão dela. Nesse tempo, conseguiu recarregar a arma e apontar em direção a ela. Por falha mecânica, a munição não foi deflagrada.

O magistrado negou ao réu o direito de recorrer em liberdade.



Claudério Augusto via site Oeste Mais