quinta-feira, 16 de setembro de 2021

PF barra tráfico de 2,8 toneladas de cocaína que iriam de SC para a África

FOTO: PF 


 
A operação Coroa da Polícia Federal de Santa Catarina impediu que 2,8 toneladas de cocaína chegassem à Namíbia no continente africano. A operação foi deflagrada nesta quinta-feira (16) em Itajaí no Litoral Norte do Estado.

Os policiais deram continuidade às investigações instauradas para a desarticulação de um grupo responsável pela exportação de 2,8 toneladas de cocaína no início de julho de 2021, na época, sete pessoas foram presas em flagrante durante interceptação de um barco pesqueiro na Foz do Rio Itajaí.

Através da continuidade das investigações, os policiais identificaram que o destino da droga era o continente africano em um ponto marítimo próximo à costa da Namíbia, onde possivelmente a droga seria transportada para outra embarcação.

A Justiça de Itajaí autorizou a prisão de mais oito suspeitos identificados nesta segunda fase das investigações. Cerca de 50 policiais federais cumprem dez mandados de busca, apreensão e sequestro de bens em Itajaí, Camboriú Navegantes e Penha, além de Salvador e Porto Seguro na Bahia e em Guarujá no litoral de São Paulo.

Outros mandados de prisão preventiva e temporária estão sendo cumpridos. As investigações já possibilitaram o sequestro de mais de R$ 1,6 milhão em patrimônio da organização criminosa.

Com o apoio a SENAD/MJ e mediante autorização judicial, os bens apreendidos serão levados a leilão e o dinheiro arrecadado será revertido em ações de prevenção ao uso e tráfico de drogas.

Os investigados responderão pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico com previsão de 3 a 15 anos de prisão, além de perderem os bens utilizados na ações criminosas.



Claudério Augusto via site ND Mais