terça-feira, 14 de setembro de 2021

Motorista conta terror antes da explosão de caminhão na Grande Florianópolis

 O motorista Claudemir Bianchi, de 54 anos, que dirigia o caminhão que caiu do viaduto na BR-101, no km 216,1, e explodiu em Palhoça, na Grande Florianópolis, conta que precisou quebrar a janela do veículo para se salvar. O acidente ocorreu por volta das 8h15 desta terça-feira (14).

Antes de o veículo explodir, Claudemir conseguiu sair e não aguardou no local para atendimento. Ele foi a uma empresa ao lado do trevo de acesso ao bairro Arirú, onde ocorreu o acidente, para telefonar ao seu empregador. O motorista teve ferimentos leves.

Em relato aos bombeiros, o homem disse que percebeu uma falha mecânica e não conseguiu frear a tempo porque uma das rodas travou. Além disso, chovia muito e haviam filas no trecho.

Segundo o comandante de área do Corpo de Bombeiros Militar, o tenente Gabriel Laurentino, o motorista não morreu porque usava cinto de segurança e a carreta estava sem carga. “Sem o cinto creio que não se salvaria”, afirma Laurentino. Por volta das 9h40, o fogo foi apagado.


RELEMBRE O CASO:

http://clauderio.blogspot.com/2021/09/caminhao-cai-de-viaduto-na-br-101-e.html


Claudério Augusto via site ND Mais