Banner

Banner

quinta-feira, 8 de novembro de 2018

CHAPECÓ: Bombeiros combatem princípio de incêndio


Guarnições do Corpo de Bombeiros foram acionadas para atender um incêndio em residência no início da manhã desta quinta-feira (8) em Chapecó. A ocorrência foi na Travessa Capri, no Bairro Presidente Médici.
Conforme o tenente Bruno Ventura, do Corpo de Bombeiros, em entrevista ao Diário do Iguaçu, contou que
no local funcionava um depósito de materiais de laboratório e haviam muitos itens inflamáveis. O fogo teria iniciado em um refrigerador e se espalhou, atingindo materiais que estavam próximos.
O tenente explicou ainda que um Bombeiro de folga estava nas proximidades e, ao perceber a fumaça saindo do local, fechou as entradas de ar do prédio, confinando o fogo à sala onde ele iniciou. Essa medida, somada a rápida chegada das guarnições impediram que o fogo se alastrasse pelo resto da edificação. “Essa rapidez foi primordial para contermos rapidamente o fogo”, destacou.
Para o combate as chamas foram usados 300 litros de água. Após o rescaldo, o local ficou aos cuidados dos proprietários. Uma perícia vai confirmar a causa do incêndio.
Susto
A empresária Eli Maria Pich, que tem um salão ao lado do depósito que queimou, conta que estava deitada no andar de cima do salão quando acordou no susto com os vizinhos tocando a campainha sem parar. “Fui para a janela, vi a fumaça preta e fiquei apavorada.
Corri no quarto da minha mãe que tem 88 anos e dizia para ela: acorda mãe, fogo, fogo, está pegando fogo. Ela acordou, mas não entendeu o que estava acontecendo”. Em seguida, Eli foi para o quarto do filho e após bater na porta várias vezes, lembrou que ele estava na casa da namorada, e a filha que mora no mesmo prédio, um andar acima, também não estava na casa. “Estou tremendo até agora, porque a gente não sabe o que vai acontecer. Mas os bombeiros chegaram e deu tudo certo”, finaliza.

Claudério Augusto via Rádio Efapi / Diário do Iguaçu.